fbpx

A revolução musical de Lin-Manuel Miranda

[tempo de leitura: 5 minutos]

“Hamilton” chega ao Disney+ com a versão gravada do espetáculo fenômeno da Broadway que marcou toda uma geração apaixonada por musicais.


“Alexander Hamilton/ My name is Alexander Hamilton/ And there’s a million things I haven’t done/ But just you wait, just you wait”.

EEm 12 de maio de 2009, foi realizado o evento White House Evening of Poetry, Music, and the Spoken Word na Casa Branca. Entre os convidados da noite, destacava-se Lin-Manuel Miranda, um artista de ascendência porto-riquenha e que ganhava destaque no cenário artístico com seu aclamado e prestigiado musical In The Heights, na Broadway. Porém, ao invés de Miranda apresentar uma das canções de sucesso de In The Heights, ele pegou o público de surpresa ao apresentar um novo projeto em que ainda estava trabalhando.

“Na verdade, estou trabalhando em um álbum de hip-hop. É um álbum de conceitos sobre como alguém que eu acho que incorpora o hip-hop: Secretário do Tesouro, Alexander Hamilton. Você riu, mas é verdade! Ele nasceu órfão, sem dinheiro em St. Croix, de nascimento ilegítimo, virou o braço direito de George Washington, tornou-se secretário do Tesouro. E, com toda a força de seus escritos, acho que ele incorpora a capacidade do mundo de fazer a diferença”, explicou para as pessoas que estavam presentes no evento.

  • Save

Apesar da incredulidade inicial de alguns, após a apresentação ficou claro que Lin-Manuel tinha um projeto de grande potencial em suas mãos. E essa canção apresentada na White House Evening of Poetry, Music, and the Spoken Word mais tarde se tornaria a música Alexander Hamilton, o número de abertura do musical Hamilton – um dos maiores sucessos da história da Broadway.

A grande inspiração do artista foi a biografia de Alexander Hamilton, escrita por Ron Chernow. O ator teve seu primeiro contato com a obra em 2008, durante suas férias de In The Heights. Lin-Manuel Miranda comprou o livro no aeroporto e após ler alguns capítulos já conseguiu imaginar um álbum conceito sobre a vida de um dos Pais Fundadores dos Estados Unidos. Mas depois de trabalhar em algumas músicas e no conceito de sua ideia, o álbum de hip-hop transformou-se num musical da Broadway.

 

OFF-BROADWAY E BROADWAY

Após anos trabalhando no musical, nas suas músicas e em sua estrutura, Hamilton: An American Musical fez sua estreia oficial na Off-Broadway em fevereiro de 2015, no Teatro Público, em Nova York. O sucesso do musical foi tanto que os ingressos esgotaram e, em agosto do mesmo ano, Hamilton transferiu-se para Broadway, passando a ser apresentado no Richard Rodgers Theatre.

No dia 15 de agosto de 2015, Hamilton: An American Musical fez sua estreia oficial na Broadway sendo estrelado originalmente por Lin-Manuel Miranda como Alexander Hamilton. O elenco ainda era composto por Leslie Odom Jr. como Aaron Burr, Phillipa Soo como Eliza Schuyler, Renée Elise Goldsberry como Angelica Schuyler, Daveed Diggs como Marquis de Lafayette e Thomas Jefferson, Christopher Jackson como George Washington, Jonathan Groff como Rei George III, Anthony Ramos como John Laurens e Philip Hamilton, Jasmine Cephas Jones como Peggy Schuyler e Maria Reynolds e Okieriete “Oak” Onaodowan como Hercules Mulligan e James Madison.

Se na Off-Broadway a produção já tinha se tornado um fenômeno entre o público, esse padrão se manteve na Broadway. A aclamação do musical aumentou, recebendo críticas positivas da crítica especializada e tendo seus ingressos esgotados já na venda antecipada. Além disso, todo sucesso de Hamilton se reflete nos prêmios e indicações. Em 2016, o musical recebeu um recorde de 16 indicações ao Tony Awards, ganhando 11 destas categorias – incluindo a categoria de Melhor Musical. Ainda, Hamilton ganhou o Prêmio Pulitzer de Drama de 2016.

  • Save

Hamilton: An American Musical é dividido em dois atos, contendo um total de 47 músicas e, como o próprio nome já diz, o centro da história é Alexander Hamilton, um dos Pais Fundadores dos Estados Unidos. Assim, ao longo dos dois atos, o público acompanha alguns dos principais acontecimentos da vida de Hamilton, assim como acontecimentos políticos e momentos históricos que marcaram a história dos Estados Unidos.

 

A REVOLUÇÃO

Quase um ano após a estreia de Hamilton: An American Musical, em abril de 2016, Lin-Manuel Miranda e Jeremy McCarter lançaram o livro Hamilton: The Revolution, que tem o objetivo de contar a história por trás do musical – um por trás das cenas.

O livro contém fotos dos bastidores do musical, contando não só a respeito de cada um dos atores e de como eles foram escolhidos para seus respectivos papéis, mas também sobre o processo criativo de Lin. É possível ler sobre como foi para criar e compor cada uma das músicas, além do trabalho conjunto de Miranda com Ron Chernow para tentar retratar algumas questões da forma mais fiel o possível segundo os registros históricos da época. Trata-se de um material completo de informações e curiosidade para os fãs de Hamilton.

  • Save

Além de mostrar os bastidores dessa história que se tornou um fenômeno mundial, Hamilton: The Revolution faz questão de ressaltar a importância do musical. Um exemplo disso é a diversidade presente no elenco uma vez que a maioria dos atores são latino-americanos e negros. Essa questão da representatividade e da diversidade do musical não é uma novidade para Miranda, uma vez que o mesmo também aconteceu com In The Heights – mas no caso de Hamilton, o ator decidiu não seguir à risca na representação dessas figuras históricas.

Em uma entrevista para a revista Elle, Lin explicou a importância dessa diversidade e de como ela influencia o musical: “É uma maneira de puxar você para dentro da história e permitindo que você deixe tudo o que a bagagem cultural que você tem sobre os Pais Fundadores na porta. Nós estamos contando a história de velhos homens brancos, mortos, mas estamos usando atores de cor, o que torna a história mais imediata e mais acessível a um público contemporâneo”.

 

AGORA NO DISNEY+

No dia 3 de julho deste mês foi lançado no Disney+, a plataforma de streaming da Disney, um especial de Hamilton, gravado com o elenco original da Broadway. Com cerca de 2 horas e 40 minutos de duração, esse filme de Hamilton tem o papel de aproximar o musical de seus fãs e de permitir que mais pessoas conheçam essa história.

Gravado em junho de 2016, o especial de Hamilton mostra uma das apresentações diárias da peça no Richard Rodgers Theatre. A única diferença é que ao invés de estarmos acompanhando o musical ao vivo na Broadway, agora temos a oportunidade de assistir Hamilton: An American Musical no conforto de nossa casa. Além disso, graças aos inúmeros recursos utilizados para captar as imagens, temos a possibilidade de assistir a produção dos mais diversos ângulos.

Obviamente o especial não substitui a sensação de ver Hamilton: An American Musical ao vivo na Broadway, embora consiga criar sensações semelhantes e reconfortantes. Enquanto você assiste o longa, a impressão que se tem é de que estamos no palco junto dos atores, acompanhando meticulosamente o movimento de cada um deles e suas expressões; é como se fôssemos parte do musical.

Sendo assim, é possível afirmar que Lin-Manuel Miranda, juntamente com o restante do elenco do musical e da equipe responsável por captar as imagens e produzir o especial, conseguem fazer um trabalho mágico transportando o público para dentro da obra, para dentro dessa revolução musical que Hamilton é.

Bruna Curi

bruna curi

tem 20 anos, é estudante de Jornalismo, mineira, capricorniana e blogueira nas horas vagas. apaixonada por Livros, Filmes e Séries. gosta de escrever, é uma de suas maiores paixões.

Back To Top
Share via
Copy link
Powered by Social Snap