A próxima cara da moda

A Próxima Cara Da Moda
[tempo de leitura: 4 minutos]

Apresentado pelos carismáticos Tan France e Alexa Chung, “Next in Fashion” é um reality de moda cheio de identidade e competidores talentosos.


DQuando Queer Eye estreou na Netflix pela primeira vez, dificilmente se esperava que o programa seria o sucesso mundial que é. Com a visibilidade do reality show, não demorou muito para que cada um dos cinco Fabulosos pudesse andar com as próprias pernas e ingressar em projetos próprios. É nessa linha que entra Next in Fashion, reality de competição comandado por Tan France, o Fab expert em moda.

 

Next in Fashion

France divide a capacidade de apresentador com a modelo e designer de moda Alexa Chung, que, juntos, buscam a “próxima cara da moda” – daí o título do programa, que traduz-se literalmente para Próximo na Moda. Next in Fashion é um reality de competição voltado para designers de moda mas, diferente da famosa prima Project Runway, a série da Netflix forma seu time de competidores a partir de profissionais experientes – e conta com a seu própria estação de materiais. Muito deles já possuem uma carreira relativamente sólida, vestindo celebridades como Beyoncé ou Cher, mas ainda não foram capazes de serem donos da própria marca-nome.

Almejando um prêmio de 250 mil dólares e o poder de assinar uma coleção para a Net-a-Porter, uma revendedora global de moda de luxo, os jogadores vão, ao longo de episódios, construir roupas do zero baseados no “tema da semana”. Trabalhando em duplas por grande parte da exibição, eles precisam passar por todo o processo de criação (concepçãoescolher materialfazer os padrõescosturarvestir as modelos e acessorizarfazer ajustes finais) e mostrá-las na passarela do Next in Fashion, com um público real e convidados especiais como a stylist das celebridades Elizabeth Stewart, a supermodelo brasileira Adriana Lima, e até mesmo Tommy Hilfiger, criador da marca de moda premium Tommy Hilfiger.

 

Carisma e Identidade

Next in Fashion é uma deliciosa surpresa para os fãs do seguimento – seja eles de reality, de moda, ou dos dois. Tan France prova, mais uma vez, seu carisma e sua personalidade positiva ao ficar responsável pela apresentação do programa. E junto com Alexa, os dois formam uma dupla de apresentadores que flui muito bem e consegue tornar tangível a ligação que os dois tem entre si e para com a moda.

  • Save
Alexa Chung, na extrema esquerda, e Tan France no desfile da final, ao lado das juradas convidadas: Eva Chen, Elizabeth Stewart e Elizabeth von der Goltz, da esquerda pra direita.

Com o conhecimento de ambos, guiar os competidores durante o processo de criação e fabricação das roupas também é um tarefa bastante natural. Visitando um por um, eles dão dicas para que os participantes possam chegar na melhor versão possível de suas roupas, e, isolados, eles dois conversam entre si e dão opiniões mais intrínseca sobre as criações.

 

Nova Geração de Reality

É legal ver que Next in Fashion não pegou emprestado de Queer Eye apenas um de seus Fabulosos, mas também o bem-vindo quadro de dicas. Em cada um dos episódios, Tan e/ou Alexa dão rápidas dicas para o telespectador, inspirados pelo desafio da vez. Rapidamente, podemos aprender, por exemplo, como selecionar o melhor terno, como fazer uso de estampas ou as melhores composições de streetwear.

  • Save

Não podemos esquecer também que, por se tratar de um reality de moda, Next in Fashion traz uma boa dosagem de representatividade, seja através de seu apresentador ou seus competidores. Paralelamente, é interessante ver as diferentes histórias pessoas dos participantes, que foram selecionados globalmente, e os distintos estilos de cada um deles – seja no trabalho profissional, ou nos looks pessoais. E não podemos esquecer da parte visual do programa, com sua espaçoso workroom, o minimalismo de sua sala para entrevistas comentadas, e a transformação da sala de trabalho para a passarela.

Next in Fashion fomenta um espaço bastante diverso e ingressa em uma nova leva de programas de competição que são menos tóxico e não se sustentam através dos dramas forçados e roteirizados. Aqui, o talento ganha total protagonismo e só vemos o estresse normal para criar roupas em um espaço tão curto de tempo, os acidentes que acontecem decorrente disso e feedbacks positivos que visam extrair o melhor possível dos participantes.

  • Save

Ainda que Next in Fashion vise um mercado da moda que muito provavelmente não é o mercado de quem assiste ao programa, o reality show é uma excelente pedida para entender um pouco como funciona essa indústria e todo o processo por trás da criação de uma peça ou coleção. E, claro, é um prato cheio para quem busca entretenimento de qualidade.

Vics

vics

tem 24 anos e é formado em Jornalismo pela PUC Minas, com um MBA em Comunicação e Marketing. gerencia a revista e, ainda, escreve matérias sempre que tem uma boa pauta.

ao todo, já assistiu um total de 18 meses em Séries, cinco meses em Filmes e em uma década foram cerca de 25 meses em reprodução de Música.

Back To Top
Share via
Copy link
Powered by Social Snap