Os 30 anos de A Pequena Sereia

Os 30 Anos De A Pequena Sereia
[tempo de leitura: 4 minutos]

“A Pequena Sereia” é um clássico, tendo recebido, nas mãos da Disney, um filme mágico, emocionante, engraçado e de músicas maravilhosas.


O conto A Pequena Sereia, escrito por Hans Christian Andersen, se tornou extremamente popular e conhecido ao longo dos anos. Seu sucesso e longevidade, o tornaram em uma atrativa fonte para releituras e adaptações dessa história. Entre todas  já produzidas, uma das mais famosas é a animação A Pequena Sereia, desenvolvida pelo estúdio Walt Disney Animation Studios, e que está completando 30 anos em 2019.

A animação conta a história de Ariel (Jodi Benson), uma sereia que é a filha caçula do Rei Tritão (Kenneth Mars), conhecido como o Rei dos Mares. Apesar da vida boa que tem, Ariel não se sente completamente feliz. A sereia tem grande curiosidade em relação ao mundo dos humanos, em saber como são as coisas na superfície, colecionando vários itens que recolhe nos naufrágios.

Preocupado com essa curiosidade de sua filha e temendo que ela possa correr algum perigo, Rei Tritão pede para que Sebastião (Samuel E.Wright), um funcionário real de sua confiança, tome conta de Ariel, como sua babá. Essa ideia não agrada nada a Sebastião, uma vez que a sereia tem um espírito de rebeldia, não respeitando suas ordens e não dando muita atenção aos seus conselhos. Sebastião até tenta mostrar para Ariel que o mundo no mar é mais legal do que na superfície, durante o número musical Aqui No Mar, mas nenhum dos seus argumentos convence a jovem ou faz com que ela se esqueça da sua fascinação pelos humanos.

  • Save

A curiosidade aumenta mais quando Ariel conhece e salva o Príncipe Eric (Christopher Daniel Barnes) de um naufrágio. É amor à primeira vista. Porém, seu pai repreende a paixão da filha, de forma que Ariel toma uma decisão bastante arriscada e perigosa: ele decide procurar Úrsula (Pat Carroll). A Bruxa do Mar é conhecida por ajudar as “pobres almas” e os “corações partidos” e garante que consegue transformar Ariel em humana. Contudo, a mágica vem com um preço alto a ser pago. Para se tornar humana, a sereia terá que dar sua belíssima voz para Úrsula, além de ter que fazer com o Príncipe Eric se apaixone por ela em três dias – caso contrário, Ariel voltará a ter sua cauda e pertencerá à Úrsula.

Mesmo o acordo sendo bastante arriscado e perigoso, Ariel assina e se torna humana como sempre sonhou. E para conseguir  conquistar o coração do Príncipe Eric, ela vai contar com a ajuda de seus amigos: Sebastião, Linguado (Jason Marin) e Scuttle (Buddy Hackett).

  • Save

A Pequena Sereia foi o 28º filme de animação da Disney e na época de seu lançamento recebeu diversas críticas positivas, além de arrecadar US$ 211.000.000 em todo o mundo. O filme desempenhou um papel importante para os estúdios de Walt Disney, que tinha passado por diversos fracassos comerciais durante a década de 70 e 80. A Pequena Sereia marcou o início da era da Renascença da Disney que durou de 1989 até 1998 e engloba outros filmes, tais como A Bela e a Fera (1991), Aladdin (1992), O Rei Leão (1994) e Mulan (1998).

 

A Sereia Ariel

Como Ariel é uma princesa bastante popular, além do filme ter gerado bons resultados, a história da pequena sereia ganhou outros filmes: A Pequena Sereia: O Retorno para o Mar (2000) e A Pequena Sereia: A História de Ariel (2008).

A Pequena Sereia: A História de Ariel é um pre-sequel, que aborda os acontecimentos na vida de Ariel antes de A Pequena Sereia. Nesta película, o público tem a oportunidade de conhecer um pouco mais sobre a infância de Ariel, do relacionamento dela com suas irmãs, com sua mãe, Athena, e o motivo de seu pai, o Rei Tritão, odiar e temer os humanos.

  • Save

Já em A Pequena Sereia: O Retorno para o Mar, o público tem a oportunidade de acompanhar os acontecidos da vida de Ariel após o seu casamento com o Príncipe Eric. Ela se tornou humana, como tinha desejado, e também teve uma filha que se chama Melody (Tara Charendoff). Porém, os problemas estão longe de acabar. Depois de receber uma ameaça de Morgana (Pat Carroll), a irmã mais nova de Úrsula, Ariel decide afastar-se do mar para proteger sua filha dos perigos da mulher.

O filme vai abordar alguns atritos entre mãe e filha, já que Melody não compreende o medo de sua mãe em relação ao mar, além de sentir que seus pais escondem algo dela. Ainda, há um paralelo entre as duas personagens: enquanto Ariel sonhava em se tornar humana, sua filha, Melody, sonha em se tornar sereia – sem contar que ambas são adolescentes rebeldes que desobedeciam às regras de seus pais.

  • Save

Assim como seu antecessor, A Pequena Sereia: O Retorno para o Mar é um filme emocionante, com momentos engraçados e músicas maravilhosas. Apesar do protagonismo não ser da Ariel nesta trama, isso não muda o fato dela ser uma personagem que tem uma personalidade marcante e amada por todos. Não importa quanto tempo se passe, Ariel e sua história sempre terá um lugar nos corações dos fãs da Disney.

bruna curi

tem 20 anos, é estudante de Jornalismo, mineira, capricorniana e blogueira nas horas vagas. apaixonada por Livros, Filmes e Séries. gosta de escrever, é uma de suas maiores paixões.

Back To Top
Share via
Copy link
Powered by Social Snap