Os lances da vida de One Tree Hill

Os Lances Da Vida De One Tree Hill

There’s only one tree hill and it’s your home.

Quem cresceu nos anos 2000 viveu em uma época de várias séries enlatadas tomando conta dos horários da TV aberta em seus mais variados turnos. No campo das séries teens, tivemos a SBT como maior importadora desse segmento. Várias séries fizeram parte do pacote que nos preenchiam diariamente nas madrugadas, final da tarde do sábado ou ao meio-dia do domingo. Uma das séries mais marcantes para muitos e até hoje bastante cultuada é One Tree Hill, conhecida nacionalmente também pela alcunha de Lances da Vida.

OTH, como é abreviada, trazia inicialmente uma história bastante clichê que envolvia dois irmãos de mães diferentes, Lucas Scott (Chad Michael Murray) e Nathan Scott (James Lafferty), filhos do inescrupuloso Dan Scott (Paul Johansson). Lucas é o mocinho apaixonado sonhador que é apaixonado por Peyton Sawyer (Hilarie Burton), namorada do seu meio-irmão. Nathan é o bad boy da série que vive essa rivalidade tanto na vida pessoal, quanto nas quadras de basquete e vê na tutora e melhor amiga do outro Scott, Haley James (Bethany Joy Lenz), a chance de sua vingança pessoal. Peyton é a melhor amiga de Brooke Davis (Sophia Bush) e juntas formam um triângulo amoroso na série. Ao decorrer da história as coisas vão tomando uma forma mais complexa, abrindo um leque ainda maior nas histórias narradas e, o que era inicialmente uma série teen clichê, vai se desenrolando em temáticas adultas, tratando mais profundamente das relações familiares, o uso de drogas, sexualidade, gravidez na adolescência, câncer, entre outros.

A série estreou no canal norte americano The WB no dia 23 de setembro de 2003, durando nove temporadas, encerrando sua trajetória no canal The CW, em 04 de abril de 2012. É ao longo da quase década que o público acompanha os cinco protagonistas desse dos tempos de escola até suas vidas adultas.

  • Save

Da esquerda pra direita, os personagens Peyton, Lucas, Brooke, Nathan e Hayley

Desde dos primórdios de sua composição, One Tree Hill tem uma força musical muito forte. Sua alma é formada por grandes momentos onde a música faz uma diferença enorme, com os títulos de seus episódios sendo nomeados em referência a um título musical, banda ou álbum que tenha relação com o episódio em questão.

No mesmo passo, várias bandas e cantores fazem participação durante os 188 episódios, com três álbuns nascendo dessa paixão musical, que não ficou restrita apenas à ficção. Em um típico caso de “vida imitando a arte”, quando na segunda temporada os personagens Haley James e Chris Keller (Tyler Hilton) saem em turnê, os atores, também cantores na vida real, se juntam para um tour nos Estados Unidos; já na quinta temporada, a personagem Mia Catalano (Kate Voegele) também vai pelo mesmo caminho, com Voegele indo aos palcos ao lado da banda Hanson.

Originalmente planejado como um filme, One Tree Hill seria chamado de Ravens, inspirado no time de basquete que existe na série. O criador Mark Schwahn, no entanto, sentiu o poder da história que tinha em mãos e percebeu que se sairia melhor no formado seriado. O título do show e da cidade fictícia onde o roteiro se desenrola são derivadas da música One Tree Hill, da banda irlandesa U2 – a faixa, parte do álbum The Joshua Tree, se refere a um monte vulcânico da cidade de Auckland, na Nova Zelândia. Além disso, os fãs frequentemente perguntavam o por que o show conter o “One“, já que a cidade fictícia se chama apenas Tree Hill. A resposta veio no episódio 22 da primeira temporada, quando a mãe do personagem Lucas, Karen (Moira Kelly), diz a ele “There is only one tree hill, and it is your home“, que na tradução fica “Há apenas uma Tree Hill… e é a sua casa“. A frase, uma das mais famosas da série, é repetida por Haley no telhado do Karen’s Café, no episódio final do programa.

One Tree Hill é uma série que marcou época e a vida de vários jovens (hoje, adultos), que tiraram aprendizados e que possivelmente vivem na pele vários dos ensinamentos deixados por esses personagens incríveis. Após o fim da série, para matar a nostalgia dos fãs de todo o mundo, foi criada a One Tree Hill Convention, um evento onde os atores se reúnem com os fãs e matam as saudades da produção, respondendo perguntas e confraternizando entre si.

  • Save

Quinze anos depois e diante de vários revivals, além da constante união dos atores e atrizes da série, sempre brota uma esperança de que ocorra uma nova temporada ou até mesmo um especial trazendo nossos personagens favoritos de volta à telinha.


adan

aquariano, paraibano, estudante de Jornalismo e apaixonado por Cinema. ama Séries (já amou mais) e respira Música de uma maneira exageradamente sufocante. tem uma paixão louca pelos anos 70/80 e busca sempre conhecer coisas novas.

Back To Top
Share via
Copy link
Powered by Social Snap