skip to Main Content
O Retorno Do Greg News

O retorno do Greg News

Ator, humorista, roteirista, cronista, dublador, poeta e agora apresentador. Essas são apenas algumas das facetas de Gregório Duvivier, que estreou com o seu programa Greg News com Gregório Duvivier em maio do ano passado. O programa é apresentado no modelo late-night talk show, satírico e tem como fonte de inspiração o programa Last Week Tonight with John Oliver, que é apresentado pelo comediante britânico John Oliver, um dos pupilos de John Stewart e ex-integrante da equipe do The Daily Show, e explora do humor para comentar de forma satírica e ácida as principais notícias de cunho político e social que ocorrem nos EUA no período de uma semana. De acordo com o Vice-presidente Corporativo de Produções Originais da HBO Latin America, Roberto Ríos, o talk show estrelando Gregório é uma aposta de um conteúdo inovador e original para o Brasil, além de apresentar uma discussão interessante: “Greg News com Gregório Duviver chega para provocar um diálogo importante e necessário, alinhado com o nosso firme compromisso de fornecer o conteúdo mais instigante e inovador para o nosso público”, afirmou Ríos em uma entrevista, ainda em 2017.

O Greg News apresenta um espaço sem censura para comentários extremamente críticos. Logo em sua estreia, no dia 5 de maio de 2017, o apresentador começou sua jornada no late-night com o episódio ODEBRECHT, em que Duvivier discutiu por cerca de 12 minutos assuntos relativos ao conglomerado comercial Odebrecht e o seu envolvimento nas nefastas relações políticas no Brasil. Já no piloto, ficou claro que o humorista não deixaria sua veia crítica ser suprimida, explorando de um humor bastante afiado para explicar temas complicados e pontuar críticas necessárias aos respectivos assuntos, sempre sustentados por informações bem apuradas, muitas vezes provenientes de materiais jornalísticos que são pesquisados pela ótima equipe de roteiristas do programa, que inclui nomes fortes do jornalismo brasileiro como Bruno Torturra e Carol Pires.

A primeira temporada do talk show contou com 20 episódios que trataram dos mais variados temas como: aborto, fake news, eleições, universidade, carne, lava- jato e até mesmo sobre direitos ou privilégios. Além desses episódios, foi feito um especial de fim de ano que está disponível no YouTube. Nesse especial, o humorista fala sobre suas expectativas para 2018, que consistem em três itens básicos: saúde, trabalho e que o Bolsonaro não seja o presidente do Brasil. Assim, o apresentador se dedica a explicar como as redes sociais, principalmente o Facebook, são capazes de influenciar esses três fatores.

De acordo com o próprio Duvivier, o objetivo de seu programa é aprofundar e explorar algumas questões que são tratadas, na maioria das vezes, de maneira superficial. “Queremos falar de política como um todo, como drogas, economia, sociedade, casamento gay, transporte, alimentação, não só daquilo que acontece em Brasília”, contou em uma entrevista à Folha de São Paulo.  Ele também explicou que o seu programa não é imparcial: “Não acredito em imparcialidade e acho que o jovem não acredita também. O programa já parte da premissa da parcialidade. A gente vai bater em todos os lados. Não vai poupar ninguém por afinidades ideológicas. Vamos rir de todos os lados. Você acha o John Oliver neutro? Se tem alguém com viés político é o apresentador de comédia. Não existe o isentão no humor”, afirmou à Folha.

 

Segunda Temporada

De visual renovado, sem a típica barba com a qual já estávamos acostumados, Gregório retornou para a segunda temporada do Greg News no dia 23 de março, trazendo toda a expectativa para quais serão os temas de um 2018 que promete temas polêmicos, complexos e que mexem com a paixão das pessoas, como as eleições presidenciais e a Copa do Mundo FIFA, dando a oportunidade para Duvivier usar de seu humor afiado para tratar de tais temas. Para a nova temporada são previstos 20 episódios, com aproximadamente 30 minutos de duração cada. Contudo, por se tratar de ano eleitoral, a segunda temporada do Greg News já tem data para terminar, uma vez que a partir de agosto, passa a valer a Lei nº 9.504, de 1997, que reduz o material permitido às emissoras sobre as eleições.

Em entrevista ao blog TelePadi, da Folha, foi revelado que os advogados da HBO concluíram que não seria bom manter o talk show diante de tanto cerceamento, levando o apresentador a lamentar sobre o ocorrido: “O programa vai acabar exatamente na primeira semana de agosto, exatamente por isso: no Brasil, não dá pra fazer o ‘Greg News’ durante período eleitoral. Não pode citar nome de político, não pode mencionar número que seja igual ao de uma legenda, e a gente achou que não valia a pena”, ponderou.


Melhores Momentos

 

1) A VERDADE SOBRE DIREITOS HUMANOS // 2ª Temporada

De todos os temas abordados por Duvivier, esse é um dos mais importantes, de forma que ele não poderia ficar de fora dessa lista. A VERDADE SOBRE DIREITOS HUMANOS marcou o retorno do Greg News. Nesse episódio o apresentador comenta sobre a tragédia que ocorreu com a vereadora Marielle Franco (PSOL) e seu motorista, Anderson Gomes, que foram executados no dia 14 de março. Gregorio desmentiu um meme a respeito da morte de Marielle que estava circulando na internet, além de explicar sobre os direitos humanos (algo que em tese é tão básico, mas que algumas pessoas têm certa dificuldade de compreender). Nas próprias palavras do apresentador: “É tão desesperador escutar gente dizendo que os direitos humanos são inimigos da polícia. Até por que, ao contrário do que muita gente acha, os direitos humanos são uma ideologia. Os direitos humanos são a lei”.


2) FAKE NEWS // 1ª Temporada

No episódio FAKE NEWS, Duvivier explica um pouco mais sobre o fenômeno que tem se tornando cada vez mais recorrente no cotidiano contemporâneo, com o compartilhamento de notícias falsas, sem averiguação e despreocupação com a veracidade das informações. O apresentador também comenta sobre as agências de checagem de fatos, que conferem as informações divulgadas pela mídia e sobre a história de surgimento do fact-cheking.

 

Gregorio dá alguns exemplos de fake news e ressalta a importância das pessoas ficarem atentas às notícias que leem na internet, evidenciando como os efeitos do fake news podem ser profundamente nocivos para a sociedade, usando de exemplo a eleição do atual presidente dos Estados UnidosDonald Trump, que acusou Barack Obama de ter fundado o Estado Islâmico e que durante sua campanha mentiu 71 vezes em um discurso de uma hora.


3) ABORTO // 1ª Temporada

No início de março no ano passado, chegou ao Supremo Tribunal Federal (STF) a primeira ação que poderia levar à ampla legalização do aborto para qualquer gestação com até 12 semanas. Com o assunto presente em diversas pautas políticas, sociais e jornalísticas, Gregório adentrou a discussão no episódio ABORTO, tentando quebrar alguns tabus sobre assunto, além de comparar a legislação do Brasil com as de outros países, evidenciando a horrenda realidade de que a legislação brasileira se assemelha a de nações em que mulheres são privadas de direitos humanos e civis básicos, como no Sudão, Papua Nova Guiné e Arábia Saudita.

Por outro lado, Duvivier analisa o caso de países como a Noruega, França, Canadá e África do Sul, onde o aborto é permitido sem restrições, além de fazer uma dura crítica ao fato do governo querer decidir essa questão: “A Noruega entende que a decisão de ter um filho é da mulher (…) Logo, não tem bolsa família ou kit Johnson’s Baby que possa transferir essa decisão para o governo, principalmente se esse governo não tem a menor ideia do que é ser mãe, como é o caso dos homens que dão pitaco sobre o assunto no Congresso”, afirma ao longo de seu monólogo.


Greg News com Gregório Duvivier é exibido toda sexta-feira, às 22h, no canal pago HBO, mas os episódios também estão disponíveis no canal da HBO Brasil no YouTube.


bruna curi

tem 20 anos, é estudante de Jornalismo, mineira, capricorniana e blogueira nas horas vagas. apaixonada por Livros, Filmes e Séries. gosta de escrever, é uma de suas maiores paixões.

Comente com a gente!

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Back To Top